• Ginkgo Biloba 80mg - 60 cápsulas

Ginkgo Biloba 80mg - 60 cápsulas

Modelo:Ginkgo Biloba 80mg - 60 cápsulas
Disponibilidade:Em estoque
  • R$23,90

O Ginkgo biloba tem sido usado para tratar desordens de circulação relacionadas com a idade, perda de memória, câncer, asma e outras doenças pulmonares, deficiência na audição e disfunções sexuais. O Ginkgo biloba é um fitoterápico com as seguintes propriedades farmacológicas: efeitos protetores neurocerebrais pela melhora da permeabilidade da membrana cerebral, elevando a tolerância à hipóxia e inibindo o edema cerebral, protegendo, portanto todo o tecido cerebral dos efeitos da hipóxia e da isquemia.

O extrato inibe a redução dos receptores muscarinérgicos, alfa2 e 5HT1A provocada pela idade, melhora a absorção de colina para o hipocampo, e aumenta a performance da memória e da capacidade de aprendizagem, melhora as propriedades hemorreológicas do sangue e da perfusão circulatória, primariamente na área de microcirculação. Combate os radicais livres e atua antagonicamente no PAF: fator de agregação plaquetária.

Estudos toxicológicos revelaram uma grande segurança no exfrato de ginkgo sem apresentar efeitos teratogênicos, mutagênicos ou carcinogênicos. Em estudos clínicos duplo-cego foi possível substanciar a eficácia clínica do Extrato de Ginkgo Biloba em pacientes idosos com distúrbios leves a moderados da função cerebral e seus sintomas relacionados, ambos de origem vascular e na demência degenerativa primária do tipo Alzheimer, bem como uma forma mista de ambos.

Em pacientes com doença periférica arterial oclusiva, claudicação intermitente, o Extrato de Ginkgo Biloba demonstrou ser significantemente superior ao tratamento com placebo. Adicionalmente, foi possível demonstrar um efeito significante do Extrato de Ginkgo Biloba no tinnitus e vertigem. O extrato é bem tolerado, com uma faixa muito baixa de efeitos colaterais.

O Ginkgo biloba tem sido usado para aliviar a tensão e ansiedade e melhorar o alerta mental, elevar o humor e recuperar a energia.

Como preventivo e para problemas circulatórios nas extremidades, o Extrato de Ginkgo Biloba, padronizado para conter 24% de flavonóides e 6% de terpenolactonas, é recomendado em uma dosagem diária de 80mg, divididas em duas ou três doses. Dosagens diárias de 240mg podem ser necessárias em alguns casos de insuficiência cerebrovascular, estágios iniciais de Alzheimer, depressão resistente e danos cerebrais menores.



Indicações


- Facilitador do fluxo sangüíneo arterial, cerebral e periférico;

- Ativador do metabolismo neuronal; 

- Redutor da hiperagregabilidade de plaquetas e eritrócitos;

- Protetor da rede capilar, aumentando sua resistência e diminuindo sua hiperpermeabilidade;

- Protetor da integridade estrutural das membranas celulares contra ataque de radicais livres;

- Está indicado para casos de deficit de memória, dificuldade de concentração, tonturas, vertigens, zumbidos. 

Tratamento de microvarizes, ulceras varicosas, cansaço das pernas, artrite dos membros inferiores;

- Processos causados pelo abastecimento deficiente de oxigênio e substâncias nutritivas;

- Casos de dor, palidez e cianose das extremidades com sensação de frio;

- Tratamento de toda ísquemia seja cerebral ou periférica;

- Casos de vertigens, deficiências auditivas, perda de memória e dificuldade de concentração;

- Tratamento profilático do envelhecimento celular e tratamento estético pela sua ação protetora contra radicais livres e pela inibição da destruição do colágeno;

- Tratamento nos processos vasculares degenerativos;

- Prevenção de edema cerebral;



Posologia


Tomar 1 cápsula , 2 vezes ao dia, durante as refeições, ou conforme orientação de profissional habilitado.



Composição


Ginkgo Biloba 80mg

Excipiente qsp 01 cápsula



Validade


4 meses



Advertências:


1. Nunca use medicamentos sem orientação de um profissional habilitado.

2. Imagens meramente ilustrativas.

3. Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto.

4. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o prescritor.

5. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.

6. Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.

7. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

8. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica.

9. Embora não existam contra-indicações relativas a faixas etárias, recomendamos a utilização do produto para pacientes de idade adulta.

10. Este medicamento não deverá ser partido ou mastigado.

11. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica.

12. O uso do medicamento durante o período de amamentação também não é recomendado.

13. Evitar o uso em pacientes com hepatopatias e câncer de próstata.

14. "SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO OU FARMACÊUTICO DEVERÁ SER CONSULTADO".



Referências Bibliográficas


1. FETROW, C.W.; AVILA, J.R.; Manual de Medicina Alternativa para o profissional. Guanabara

Koogan, 2000.

2. NEWALL, C.A; ANDERSON L.A. PHILLIPSON, J. D. Plantas Medicinais – Guia para

profissional de saúde. Editora Premier, 2002.

3. TESKE, M.; TRENTINI, A M.M. Herbarium – Compêndio de Fitoterapia, 3ºedição revisada,

Curitiba.

Formulário Médico-Farmacêutico – edição 2000.




Escreva um comentário

Nota: HTML não suportado!
    Ruim           Bom
Captcha